sábado, 17 de outubro de 2009

SONHOS




SONHOS
Sonhos alegres... de esperas.
Ânsia de correr e encontrar.
Horas que passam, no espaço.
Desperto e sem querer estendo o olhar...
Vejo , a perfeita forma ,
Desenho gravando a imagem ,
Outrora distante e ora , tão próxima...
Sem seguir normas
Clamo , grito esmagando o tédio.
Sacio a saudade,
Sarando a ferida da vida.
Festejo a lembrança do amor que agora...
Posso alcançar.

Autoria
Yara Nazaré


6 comentários:

  1. Marcia Antunes

    Será a poesia vermelha?
    Será a cor do amor vermelha?

    Não sei a resposta certa... Talvez, ninguém saiba ao certo, minha amiga!

    Mas, teu blog, deixou-me uma rasgada impressão de que a poesia e o amor, sejam ambos, vermelhos, encarnados como o sangue que corre em nossas veias!

    ResponderExcluir
  2. A POESIA NÃO É VERMELHA, É FURTA-COR,É AMARELA QUANDO SE ESCREVE SOBRE O SOL, PODE SER AZUL:QUANDO NA SUA VIDA TUDO É AZUL,PODE SER BRANCA,QUANDO EM TEUS VERSOS VOCE ESCREVE SOBRE A PAZ,PODE SER ROXA COM BOLINHAS AMARELAS,QUANDO EM SEU DELÍRIO POÉTICO VOCE ESCREVE,PODE TAMBEM SER TAMBÉM MULTICOLORIDA,POESIA NÃO TEM COR,PODE ATÉ SER VERMELHA,PORQUE POETA QUE É POETA TIRA DE SUAS VEIAS A DOR DE SER POETA.TENHO UM BLOG NA INTERNET,O ENDEREÇO É :http://oencantadordelivros.blogspot.com.ENTRE NO MEU BLOG.BLOG ESTE VOLTADO PARA A CULTURA EM GERAL,PRINCIPALMENTE A LITERATURA.

    ResponderExcluir
  3. Aquele q chega sempre vem impregado de esperanças...de dias seguros, esteio da alma.
    O novo sempre hah de ser bem-vindo. Logo:

    "...que n seja imortal,
    posto q eh chama, mas,
    que seja infinito,
    enquanto dure."

    ResponderExcluir
  4. Lindo poema:
    Congratulações
    Bom fim de semana

    ResponderExcluir
  5. ficou legal o blogger..

    quando der visite o meu

    deixe recados..

    João cap.16 (33) - Tenho-vos dito isso, para que em mim enhais paz; no mundo tereis aflições, mas tende bom ânimo, eu venci o mundo.

    ResponderExcluir
  6. Blog divinamente encantador, parabéns.

    ResponderExcluir